Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Runner Wannabe

Corredora amadora à beira dos 40, que aspira um dia começar e terminar um trail: a respirar, a conseguir proferir palavras do tipo “ajudem-me” e “água” ... e em controlo das suas funções biológicas básicas.

Runner Wannabe

Corredora amadora à beira dos 40, que aspira um dia começar e terminar um trail: a respirar, a conseguir proferir palavras do tipo “ajudem-me” e “água” ... e em controlo das suas funções biológicas básicas.

26
Fev17

E umas tréguas, não?


Runner Wannabe

Ok, deve ser só uma fase... (vou repetindo várias vezes por dia...)

No último treino que fiz, senti uma dor na parte interior do tornozelo. Pensando que era falta de aquecimento, abrandei, mas continuei o treino já de si curto (3F, dia 21). Quando o pé arrefeceu, a dor voltou e persistiu o dia todo. A dor foi passando nos dois dias seguintes, até se tornar residual (5F, dia 23), mas por resguardo, decidi dar mais uns dias só para ter a certeza que a questão estava resolvida.

Manhã de 6F, dia 24...ao sair da cama o pé escorrega no chão e torce para dentro, solto um fo##-se a antecipar a dor que iria sentir - afinal o pé não estava bem. Não doeu assim tanto, foi mais o susto...até precisar do pé para andar! Magoei ainda mais o pé, que passado uns minutos inchou um pouco. Pensei que fazendo gelo algumas vezes, a coisa ía embora. Não foi e ontem ainda parecia mais dorido, apesar do gelo e dos cuidados com as cargas... Hoje sinto-o melhor...mas nisto passaram-se 5 dias sem treinar corrida.

Quantos mais dias de descanso de corrida? Não sei! Mas honestamente... já agradecia umas tréguas de lesões e impedimentos.

2017-02-25 15.56.58.jpg

                                      Crioterapia...

 

Já agora aproveito para partilhar o seguinte - provavelmente fui a última a saber, ainda assim vou partilhar - ao juntar água e álcool resulta uma solução que quando congelada adquire uma consistência não de gelo sólido, mas de um gel e portanto moldável. As proporções que usei foram próximas de 70% de água e 30% de álcool. Usei 2 sacos de congelar alimentos, para evitar fugas e resultou muito bem!

(Já que este blog parece estar a transformar-se mais num rol de maleitas e lesões, do que nas minhas experiências de corrida, mais vale começar a completá-lo com dicas úteis na recuperação das mesmas!)

 

 

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D