Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Runner Wannabe

Corredora amadora à beira dos 40, que aspira um dia começar e terminar um trail: a respirar, a conseguir proferir palavras do tipo “ajudem-me” e “água” ... e em controlo das suas funções biológicas básicas.

Runner Wannabe

Corredora amadora à beira dos 40, que aspira um dia começar e terminar um trail: a respirar, a conseguir proferir palavras do tipo “ajudem-me” e “água” ... e em controlo das suas funções biológicas básicas.

30
Jul17

Semana do catano!


Runner Wannabe

No treino de 3.ªF, pensei em fazer uma coisinha leve para descomprimir do treino anterior, que foi mais rápido que o habitual.

Sabem aqueles dias em que fazemos tudo ao contrário do planeado, como se forças superiores baixassem em nós e nos obrigassem a cumprir um qualquer desígnio? Pronto...foi isso!

Então não é que acabei por fazer uma espécie de treino intervalado, que vi algures!

 

Treino intervalado tal como proposto:

- 20' ritmo lento;

- 5x 2' ritmo rápido seguido de 3' pausa activa;

- 20' de ritmo lento.

 

“Em cima do joelho”. decidi fazer uma versão aldrabada do referido treino intervalado.

Eis o resultado:

 

15' a ritmo lento (7:01min/km);

3x 2' ritmo rápido seguido de 3' pausa activa;

10' ritmo lento (6:54min/km).

 

Como não tenho muita noção dos ritmos, é excusado dizer que ritmo rápido...é aquilo que o meu cérebro acha que é...rápido! Efectivamente rápido e sprint apesar de palavras diferentes, depois na práctica...é quase tudo o mesmo, não é...? Pois...ia-me matando logo de início! Não fossem haver 3 minutinhos logo de seguida para recuperar...não sei se o treino não acabaria ali!

Recuperei e lá fiz mais dois ciclos “daquilo”, arrumei a trouxa e rumei a casa em ritmo lento, para  ressuscitar “arrefecer”.

O aspecto positivo deste treino? Sobrevivi para contar a história!

 

O treino de 5F

 

Este treino, foi uma coisa do outro mundo! O resumo resumido é o seguinte: 6,6km a ritmo médio de 6:18min/km.

Por outras palavras, atingi velocidades supersónicas – para mim.

 

Eu, no treino de 5.ªF.

 

 

Não tenho justificação, não sei o que aconteceu! Cheguei fresquinha que nem uma alface e quando no final vi os dados, ia-me dando uma coisa!

Andei a "mastigar" estes dados durante dois dias e atazanei a cabeça a duas ou três pessoas. Custava-me acreditar...agora já estou mais mentalizada! :)

 

Treino longo de Domingo

 

Convenhamos que desde Domingo passado, os treinos correram bem, apesar de eu desconfiar sempre de coisas muito boas - ao ponto de chegar a pensar que a aplicação estava a dar resultados demasiado optimistas!

Depois do treino de 5F, pensei na possibilidade de esticar a distância, num percurso novo de 13km (ida e volta). O objetivo era aumentar a distância, sem qualquer preocupação de tempos finais, ritmos ou velocidades!

 

E não, não conclui os 13km! Antecipei em cerca de 1km o ponto de viragem e regressei a casa.

Porquê? Porque na altura achei que se seguisse o plano inicial, provavelmente faria o último km a caminhar. Mas isso, é que nem pensar!

Senti-me insegura nalguns segmentos do percurso. Tive de lidar com duas subidas (e descidas) a uma ponte com 800m de comprimento, em que a passagem para peões tem cerca de 1m de largura e o piso são placas de ferro mal fixadas e que estavam molhadas pela humidade matinal. Mas mais chato - e perigoso – foi um segmento de talvez 500m (que tive de percorrer 2 vezes), em que o asfalto está muito irregular e esburacado nas bermas, devido à passagem de máquinas agrícolas. Pronto, isto para dizer que não andei propriamente em estrada lisa e plana ou ciclovia – como é costume – e que estes pormenores obrigaram-me a esforçar mais que o habitual.

Cheguei a casa em esforço...

As pernas estavam a ficar pesadas...

Não tinha feito o planeado...

Não estava satisfeita...

 

Abri a aplicação e bati com os olhos nos 11km... Já não me apeteceu ver mais nada! Amuei!

Antecipando no dia anterior, que iria dar o litro e mais uma pinga, preparei vários sacos com água que deixei a congelar para poder “demolhar”  hoje as pernas em água bem gelada, numa sessão improvisada de crioterapia.(Já disse em ocasião anterior que tenho uma hortinha – biológica - e uso bidons de muitos litros como reservatórios de água, que vem dum poço, para proceder às regas.)

Enchi um bidon e juntei cerca de 5L de gelo. Aguardei e demolhei durante 10 minutos! Bem bom, é o que vos digo!

 

2017-07-30 08.08.57.jpg

Ainda dá para ver algum gelo.

 

Terminada a sessão e ainda de birra por não ter cumprido com o planeado, lá me digno a ver os restantes dados da aplicação, mentalizada para o descalabro total!

Olhei várias vezes para os números, incrédula! Então não é que os 11km foram feitos em 1:13.41, a um ritmo médio de 6:40min/km?

Multidão, só não saltei frenéticamente - ou ligeiramente - porque as pernas estavam geladas, literalmente!

 

E como isto ficou fora de questão...(oh, eu sei!)

 

 

tive de me contentar com isto! 

 

 Resumindo:

 

Domingo passado: 8,06km a 6:45min/km;

3.ªF - sobrevivi a um treino intervalado completamente aldrabado!

5F – 6,6km a 6:18min/km;

Hoje – 11km a 6:40 min/km.

 

Foi uma excelente semana de treinos! Estou oficialmente contente! 

 

Thank´s Meryl, love you too!

 

 Boas corridas!

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D